Weekly Bamboo

Crítica | Hereditário (2018)

Crítica | Hereditário (2018)

O resultado desta narrativa poderosa apoiada sobretudo numa interpretação provocadora de Toni Collette é simplesmente fascinante porque deixa espaço para discussão, para refletir e sobretudo deixa a sua semente como um autêntico pesadelo.

Crítica | Pesquisa Obsessiva (2018)

Crítica | Pesquisa Obsessiva (2018)

Pesquisa Obsessiva é um boa surpresa na medida em que nos proporciona uma experiência imersiva e intrigante, ao mesmo tempo que explora a influência das redes sociais na sociedade.

Crítica | Clube dos Bilionários (2018)

Crítica | Clube dos Bilionários (2018)

Clube dos Bilionários pega na temática de Wall Street, num estilo que procura ser jovial e próximo do Lobo de Wall Street, mas peca ao ser demasiado superficial e sem elementos marcantes, deixando apenas o destaque de ser uma espécie de regresso de Kevin Spacey ao grande ecrã.

Crítica / MOTELX | Ghostland – A Casa do Terror (2018)

Crítica / MOTELX | Ghostland – A Casa do Terror (2018)

O que de melhor existe em Ghostland – A Casa do Terror são as duas irmãs e o teor curioso e perturbador do pesadelo que as envolve. Não é um filme fácil, a história é brutal e mórbida, ainda que com algumas fragilidades pelo meio, pelo que as personagens acabam por ser o prato principal da trama.

Crítica | Um Pequeno Favor (2018)

Crítica | Um Pequeno Favor (2018)

Em “Um Pequeno Favor”, Paul Feig apresenta-nos um thriller misterioso, sensual e inquietante repleto de boa disposição.

Crítica | BlacKkKlansman – O Infiltrado (2018)

Crítica | BlacKkKlansman – O Infiltrado (2018)

Com BlacKkKlansman – O Infiltrado, Spike Lee cria uma sátira pessoal, honesta e sentida sob o pretexto de uma história de detectives nos EUA, em pleno início dos anos 70, com a agitada luta pelos direitos civis do a descriminação racial e um ambiente no mínimo hostil como plano de fundo.