Crítica / MOTELX | Why Don’t You Just Die! (2018)

Crítica / MOTELX | Why Don’t You Just Die! (2018)

O vencedor do prémio de Melhor Longa Europeia desta edição do MOTELX, “Why Don’t You Just Die!” é uma violenta história de vingança cheia de humor negro, cuja acção decorre num apartamento.

Crítica / MOTELX | Extra Ordinary (2019)

Crítica / MOTELX | Extra Ordinary (2019)

“Extra Ordinary” é uma comédia surreal vinda da Irlanda, que nos conta a história de Rose, uma instrutura de condução com dons que lhe permitem comunicar com entidades espíritas. A forma mais complicada como a vida a tem tratado nos últimos tempos, leva-a a assumir uma relação muito desanimadora com os seus talentos sobrenaturais, um pouco à custa dos estranhos pedidos que vai recebendo no dia-a-dia.

Crítica / MOTELX | Harpoon (2019)

Crítica / MOTELX | Harpoon (2019)

Três amigos, um triângulo amoroso, isolados do mundo num barco à deriva, sem hipótese de voltar para casa. Este é o argumento de “Harpoon”, um thriller com uma temática algo cómica e azerenta que explora a relação de três jovens à medida que a tensão se acumula a bordo.

Crítica / MOTELX | The Golden Glove (2019)

Crítica / MOTELX | The Golden Glove (2019)

“The Golden Glove” é, por uma série de motivos que facilmente se encontram espalhados pela internet, o filme choque desta edição do MOTELX.

Crítica / MOTELX | A Good Woman is Hard to Find (2019)

Crítica / MOTELX | A Good Woman is Hard to Find (2019)

“A Good Woman is Hard to Find” explora a angústia de uma mãe que viu a sua vida desabar depois da misteriosa morte do marido que deixou a única testemunha do incidente, o próprio filho, incapaz de falar.

Crítica / MOTELX | Midsommar – O Ritual (2019)

Crítica / MOTELX | Midsommar – O Ritual (2019)

“Midsommar – O Ritual” foi desde o iníco o grande destaque do festival, e ao cair do pano, o novo filme de Ari Aster é puro terror à luz do dia. Um filme inquietante, perturbador e por vezes engraçdao que explora as festividades de um culto pagão, enquanto um jovem casal procura salvar a sua relação de um fim iminente. Em suma, o melhor filme do ano até ao momento, e um dos filmes de terror mais marcantes da última década.