All posts filed under: Estreias da Semana

Trailers e Sinopses das Estreias Semanais em Portugal

Crítica | Feliz Dia para Morrer (2017)

De: Christopher Landon Com: Jessica Rothe, Israel Broussard, Ruby Modine 1h36min Mas onde é que eu já vi isto? Feliz Dia para Morrer é a conjugação do horror ligeiro de slashers juvenis (como é o caso de Scream e de Sei o que fizeste no Verão passado) com o enredo que se repete vezes e vezes sem conta de filmes como Groundhog Day e Edge of Tomorrow. Ainda este ano, uma premissa semelhante sem o tom mais obscuro e agressivo, foi apresentada em Antes de vos Deixar, um teen drama em que um trágico acidente leva uma jovem a refletir dia após dia nas suas acções e forma de pensar, motivando-a a tornar-se numa pessoa melhor. São estes clichés na moral da história e em muitas das peripécias que tornam este género mais previsível e insonsso. Todos nós conhecemos a típica fórmula dos filmes de adolescentes que passam na televisão aos fins de semana e, Feliz Dia para Morrer, não é uma exceção neste aspecto. Não deixa de ser curioso que no mesmo ano dois …

Crítica | Linha Mortal (2017)

De: Niels Arden Oplev Com: Ellen Page, Diego Luna, Nina Dobrev 1h50min Linha Mortal, ou Flatliners é um remake do filme homónimo de 1990, uma espécie de teen-horror/sci-fi sobre um conjunto de jovens, aqui interpretados por um elenco mais jovial de onde se destaca Ellen Page, Diego Luna e Nina Dorbev, que decide participar numa experiência que desafia as leis da natureza, levando-os a viver por breves momentos no limbo entre a vida e a morte. Há aqui nesta premissa um pouco de ficção científica adensado por um tom misterioso mas, devo desde já confessar as minhas baixas expectativas para o resultado final que parecia já apressado em clips e trailers. De facto, não existe muito ou provavelmente nada para nos prender ao enredo, para nos cativar ou sentir empatia pelas personagens que estão ali a pairar, sem qualquer tipo de profundidade ou personalidade. Personagens unidimensionais, que apesar de representarem jovens adultos com um enorme desejo de crescer e conquistar o mundo, não demonstram emoções de forma convincente e vêm as suas personalidades como meros …