Bamboo Awards | Os 15 Filmes Favoritos de 2016

Bamboo Awards | Os 15 Filmes Favoritos de 2016

15. 10 CLOVERFIELD LANE, Dan Trachtenberg

Um thriller avassalador que retrata uma realidade mirabolante com mil uma questões a surgirem durante toda a sua duração. A juntar a isto tudo, a participação de John Goodman é a cereja no topo do bolo, com uma grande e misteriosa interpretação fruto de uma personagem memorável que é o centro das atenções. Um vilão que nos provoca e desafia com uma personalidade oculta expressa por vezes de forma tola e louca. 10 Cloverfield Lane é uma experiência intensa, com personagens e uma narrativa que nos prendem à cadeira e nos levam a mergulhar bem fundo num mundo repleto de incógnitas e desafios enquanto procuramos descobrir a verdade e uma possível saída de um autêntico labirinto. São as relações entre as personagens e os constantes duelos físicos e psicológicos que elevam a intensidade e a tensão do filme a um patamar que nos leva a esquecer que estamos perante o universo do filme original, numa experiência que nos cativa e e nos envolve num mistério claustrofóbico e aterrorizante.

14. CAPITÃO AMÉRICA: GUERRA CIVIL, Joe Russo & Anthony Russo

Captain America: Civil War L to R: Captain America/Steve Rogers (Chris Evans) and Iron Man/Tony Stark (Robert Downey Jr.) Ph: Zade Rosenthal ©Marvel 2016

O que parecia ser uma simples sequela do Capitão América atinge contornos épicos nas mãos de Joe Russo e Anthony Russo, deixando a sequela de Os Vingadores no esquecimento numa autêntica festa de super-heróis. Numa narrativa diferente do usual e num cenário em que os heróis que seguimos já desde o primeiro Homem de Ferro debatem entre si os seus ideiais, vemos uma abordagem mais emocional e intensa no universo da Marvel. A vilania é aqui substituída pelo medo, pelo debate e pelo confronto de opiniões e ideiais que se acentuam quando a humanidade está em perigo e é preciso encontrar um equilíbrio o que a humanidade precisa e as motivações dos heróis. Com Capitão América: Guerra Civil, a fasquia foi de novo elevada, com uma experiência que é um autêntico espetáculo de entertenimento que torna a saga do capitão numa das trilogias de super-heróis mais memoráveis de sempre, com uma ambição e uma intensidade que se acentuaram e manifestaram em ambas as sequelas. Um confronto épico que mantém as expectativas em alta para os filmes que se seguem e confirma a criatividade e a ambição de um grande universo cinematográfico.

13. BROOKLYN, John Crowley

2K3A4063Os encantos de Brooklyn são inquestionáveis… Uma história bela, apaixonante e bem presente que serve como lição de humildade e de realização nos dias de hoje ao retratar uma grande relação que divide o coração de uma jovem entre dois lugares distintos e distantes. É um conto de esperança e de felicidade, repleto de sinceridade e com um carácter humano e apaixonante sempre presente. Beneficia das interpretações cativantes e enternecedoras de Saoirse Ronan e de Domhnall Gleeson. É a partilha de emoções e o conflito constante que desafia o conceito de “casa” e que nos cativa e maravilha com personagens próximas e humanas. Emocionante, honesto e simplesmente bonito, Brooklyn é um romance precioso que se destingue pela sua simplicidade, ternura e naturalidade.

12. HELL OR HIGH WATER – CUSTE O QUE CUSTAR!, David Mackenzie

hellorhighwaterUm plano que tinha tudo para dar certo… Uma motivação familiar com os seus moralismos e dois irmãos concentrados num objectivo em comum. Tudo dá para o torto e as vidas de todos ficam em risco. É assim que Hell or High Water se manifesta. Um thriller caracterizado por uma curiosa indefinição daquilo que é o bem e o mal, numa perseguição intens, calculada e com um estilo muito próprio que tira partido das interpretações de Foster, Bridges e Pine. Empolgante, poderoso e marcante, Hell or High Water é um comboio em movimento constante, repleto de adernalina, capaz de provocar e cativar o espetador à medida em que uma mera história de assaltos a bancos atinge contornos curiosos e uma profundidade inesperada.

11. CAPITÃO FANTÁSTICO, Matt Ross

CF_00476_R (l to r) Viggo Mortensen stars as Ben and Annalise Basso as Vespyr in CAPTAIN FANTASTIC, a Bleecker Street release. Credit: Wilson Webb / Bleecker Street

Vigo Mortensen, com a sua personagem irreverente e ousada, brilha no grande ecrã, acompanhado por miúdos fantásticos que dão um tom mais inocente e rebelde à história. No seu todo, com uma fotografia preenchida com belas paisagens naturais, interpretações fantásticas e carregadas de emoção e naturalidade e uma história que é muito mais do que uma mera narrativa, Capitão Fantástico é uma vitória para Matt Ross. Um coming of age que trata a vida, os ideais, a descoberta e os prazeres da juventude com um carinho e uma naturalidade muito peculiares, com uma história desafiante e uma estranheza muito própria que nos leva a refletir sobre a nossa cultura e valores actuais.  Em poucas palavras: uma das grandes surpresas deste ano!

Páginas: 1 2 3 4 5



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *