Crítica / Short | Traction (2015)

tractionposter

  • De: Rory Uphold
  • Com: Ahmed Bharoocha, Tamara Becker Cimmerian, Jackie Singer
  • 5min

O que parecia ser o cenário ideal de um primeiro encontro… Uma conversa a fluir, uma química clara entre as personagens e um delicioso jantar… Depressa adquire contornos negros quando o homem decide utilizar piadas para quebrar o gelo entre ambos. À primeira e segunda ainda escapa, mas quando as piadas se tornam mais negras o caso muda de figura e o encontro perfeito torna-se num autêntico desastre e Traction torna-se numa espécie de comédia negra que explora os falsos moralismos dos tempos modernos sem papas na língua. Uma curta deliciosa que nos deixa sedentos de mais minutos de história, fruto de uma boa química e de um humor peculiar. A forma com um animado jantar é arruinado por uma discussão acesa sobre moralismos representa uma curiosa tragédia que tira partido da sua curta duração para provocar o espetador com uma mensagem clara e concisa.

O MELHOR: A história deliciosa e os aspectos mais críticos e realistas.

O PIOR: Mais alguns minutos para explorar um pouco mais a relação e a química ao longo do jantar seriam bem-vindos!

stars_14

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.