Crítica / MOTELX 2016 | The Master Cleanse (2016)

motelxlogonew

Image result for the master cleanse film

A proposta de um retiro espiritual que promete melhorar para sempre a forma como vivemos o nosso dia-a-dia, libertando toda a negatividade, é um curioso ponto de partida, ou melhor de viragem para Paul, um homem que procura seguir em frente com uma nova atitude. Disposto a enfrentar os seus medos e angústias, Paul inscreve-se no retiro espiritual na esperança de sair de lá um homem realizado e livre. Ora ainda que os objectivos e premissa pareçam normais e apelativos, Paul não faz a menor ideia daquilo que o espera e são as estranhas peripécias de The Master Cleanse que fazem deste um filme bizarro e cativante com potencial para o estatuto de filme de culto.

A forma como o retiro ganha contronos curiosos e invulgares, com personagens sombrias mas ao mesmo tempo amistosas, torna o filme numa experiência deliciosa e divertida, mantendo o carácter mais misterioso e bizarro. A negatividade libertada sob a forma de pequenas e simpáticas criaturas carrega a história de um simbolismo peculiar e há ainda que destacar as interpretações de um elenco com caras familiares, que se coloca perante uma situação curiosa e com personagens com personalidades complexas. Com The Master Cleanse, Bobby Miller cria uma versão dos tempos modernos de Gremlins, com uma energia e um potencial cativantes.

O tom mais ligeiro de The Master Cleanse aliado à estranheza e mistério do seu enredo e a curiosas personagens torna o filme numa experiência bem sucedida com muito humor negro pelo meio. Quando uma premissa repleta de mistério, como a libertação dos demónios interiores, nos conduz a um retiro curioso, repleto de segredos e estranhas criaturas, torna-se claro o interesse e a originalidade do filme de Miller. Uma odisseia peculiar, deliciosa e inulgar que deixou uma marca surpreendente na sua passagem pelo MOTELX.

stars_14



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.