★★★★, Críticas, Highlight Reviews, Português, Reviews
Leave a Comment

Crítica | Carol (2015)

carolTT
CAROLposter

  • Realizado por: Todd Haynes
  • Com: Cate Blanchett, Rooney Mara, Sarah Paulson
  • 1h58min

Um pouco encoberto no meio da loucura e da excentricidade da época dos prémios, Carol apresenta-se como o derrotado das nomeações. Uma derrota injusta perante um simples e bonito romance que põe de lado a ética e os preconceitos numa época mais conservadora e que junta no mesmo ecrã duas das mais talentosas atrizes do cinema atual, Cate Blanchett e Rooney Mara. Carol relata uma curiosa e fugaz história de amor entre duas mulheres que se conhecem e desenvolvem uma paixão intensa perante os olhos de uma sociedade mais rígida e incapaz de compreender o sentimento que partilham uma pela outra. Realizado por Todd Haynes e baseado no livro dePatricia Highsmith O Preço do Sal, Carol é um relato sincero composto por duas interpretações brilhantes que nos conquista com um piscar de olhos.

Esta é a história pouco convencional de duas mulheres de diferentes origens que se vêm envolvidas num romance poderoso no cenário dos anos 50 na cidade de Nova Iorque. Perante o olhar conservador da sociedade, a atração entre a jovem aspirante a fotógrafa Therese Belivet (Rooney Mara) e a encantadora Carol (Cate Blanchett) é vivida com a máxima intensidade, com trocas de olhares e pequenos sorrisos que reflectem um sentimento verdadeiro de afeto. Presa a um casamento sem futuro, Carol vê na postura inocente, simples e angelical de Therese um novo e brilhante começo ao passo que esta sente uma enorme e flagrante atracção, quase que imediata pela belíssima mulher interpretada pela grande Cate Blanchett. É neste emocionante e apaixonante ambiente envolto por secretismo e por uma grande cumplicidade que a sua atração é desafiada pelos problemas de um casamento por um lado e pela inocência da juventude por outro num relato honesto e humano de uma das mais simples e bonitas histórias de amor contadas nos últimos anos.

De referir as grandes interpretações tanto da já veterana Cate Blanchett como de Rooney Mara que duelam aqui contra os seus problemas pessoais na esperança de construírem um bonito futuro em conjunto. Carol surpreende e cativa sobretudo pela forma pouco comum como todo o romance é relatado, deixando de parte os típicos devaneios e clichés para dar ênfase ao que as personagens sentem e desejam. Esta é uma curiosa e bonita história de amor que nos conquista pelas interpretações de talentosas actrizes que vivem com intensidade as suas personagens, transparecendo no grande ecrã uma enorme cumplicidade e afeto. São os olhares, os toques e as pequenas conversas e sorrisos que revelam o forte carácter e sentimento da relação e que tornam única esta grande demonstração de afeto num filme que retrata mais do que uma simples relação entre duas mulheres.

Pelo meio somos que desafiados pela angústia de Carol enquanto luta contra o seu marido pela custódia da filha e se vê fechada numa espécie de limbo com as mulheres da sua vida em pontos opostos. E é aqui que surge talvez um dos aspetos mais empolgantes de todo o filme… As personagens em Carol são os principais ingredientes que se vão revelando e tornando-se cada vez mais especiais à medida que a história prossegue. Duas mulheres que em muito diferem mas atraídas duma forma natural, modesta e carinhosa, cruzando os seus caminhos para uma viagem emocionante e apelativa com um encanto muito característico. Sempre com um estilo muito típico é apropriado à época, Carol conquista pelo afeto, simplicidade e pela atração entre duas mulheres que se conhecem e vivem uma inesperada e emocionante história de amor.

stars_16

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s