★★★★, Português, Reviews
Leave a Comment

Crítica | A Família Bélier (2015)

familiebelierlogo

  • Realizado: Eric Lartigau
  • Com: Karin Viard, François Damiens, Eric Elmosnino
  • 106 Minutos
  • English: british-flag

Há algo um tanto ou quanto inspirador em A família Bélier… Um filme enternecedor que conquistou tantos espetadores em França e que, honestamente, superou as minhas expectativas. Realizado por Eric Lartigau, este é um daqueles raros filmes feel-good que tira vantagem da previsibilidade, tornando-a numa coisa boa, ou pelo menos aceitável. No filme, somos convidados a conhecer a família Bélier, constantemente desafiada por problemas que transcendem as típicas dificuldades do dia-a-dia… Paula é uma adolescente que vive com os seus pais e irmão, todos surdos exceto ela, o que a leva a acarretar mais responsabilidades do que o normal. Da escola ao trabalho na quinta, Paula vive o seu dia-a-dia numa luta constante pelo seu futuro e é num dia em que tudo corria menos bem que é confrontada com uma realidade inesperada… O dom de cantar… Uma surpresa tremenda que nesta história coloca a rapariga numa posição complicada onde os sonhos e a família colidem e no fim é o amor que une tudo… Como espetadores, cabe-nos apreciar e sentirmo-nos tocados por esta história com desfechos previsíveis mas que é sem sombra de dúvidas a comédia familiar do Verão!

A verdade é que A Família Bélier é eficaz a partir do momento em que cumpre o objetivo principal do género em que se insere, ao deixar o espetador com um misto de emoções agradáveis graças a uma história, no mínimo, tocante… A forma como as personagens se relacionam uma com as outras e o tom familiar presente ao longo de todo o filme são desde já pontos positivos fortes. Esta é uma história sobre família, contada por intermédio de canções e gestos e que, mesmo sem explorar com maior detalhe o tema da surdez, não deixa de ter o seu encanto. Paula é uma rapariga trabalhadora que procura constantemente fazer o melhor para ajudar a família, mesmo após um dia repleto de dificuldades. Uma rapariga doce e inocente com um coração enorme que com a sua personalidade encantadora torna-se no centro de todo o filme. Paula não deixa ninguém indiferente e graças à sua voz incrível, existe neste filme algo mais do que a típica história familiar. Conduzida por uma necessidade constante de conquistar os seus objectivos e de ajudar ao mesmo tempo os seus pais, é ela que nos permite olhar para a sua família numa forma única. Neste filme, vemos uma família modesta e feliz onde o amor está sempre presente e em que todos se tentam ajudar mutuamente. Acabou por ser o factor que melhor funcionou na minha opinião, mesmo que gostasse de ver o ver mais explorado.

Em A família Bélier, o dia-a-dia desta família é contado simultaneamente com a história do dom de Paula e a forma como estas realidades se complementam é a razão que me levou a considerar o filme uma agradável surpresa. Por uma série de momentos previsíveis, o potencial do filme está concentrado nas interpretações dos actores e na forma tocante e enternecedora como a história é contada. Nem todos os filmes feel-good me deixam como este deixou… Um misto de felicidade e tristeza provocado sobretudo por um final que me diz alguma coisa. Uma luta constante pelos nossos sonhos é aqui representada numa forma mais positiva através de bonitas canções de Michel Sardou. Ao sair da sala, tornou-se claro o porquê de todo o sucesso… A Família Bélier é o filme que toda a família deve ver no Verão… Uma comédia tocante que não nos deixa indiferentes… Uma história sobre família, sonhos e amor que mesmo com um enredo previsível põe um sorriso na cara dos espetadores.

stars_14

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s