★★★★, Português, Reviews
Leave a Comment

Kung Fury (2015)

  • Realizado por: David Sandberg
  • Com: David Sandberg, Jorma Taccone, Steven Chew
  • 30 Minutos
  • English: british-flag

Provavelmente uma das grandes surpresas do ano, que merece ser vista por todos e que está disponível no Youtube [por enquanto apenas com legendas em Inglês] (https://www.youtube.com/watch?v=bS5P_LAqiVg)!, Kung Fury é um curta-metragem independente repleta de sequências de ação incríveis e que apresenta ao mundo um estranho conjunto de personagens onde se incluem Triceracop, Barbarianna, Thor, Hoff 9000 e Adolf Hitler. Seguindo o estilo dos filmes policiais dos anos 80, Kung Fury segue a história de um polícia de Miami, mestre em artes marciais, que decide viajar no tempo para matar o pior criminoso de todos os tempos, Kung Fürer, Adolf Hitler e o seu exército Nazi que ameaça a segurança de Miami.

Repleto de boas piadas e de quotes espetaculares, Kung Fury é um filme série B com efeitos especiais de qualidade (pelo menos a nível de filmes amadores). A prova de que, com um orçamento minúsculo ainda é possível conseguir o apoio de milhares de fãs em todo o mundo e construir uma história agradável que acabou por me surpreender quando combinada num filme rápido e completamente louco. Kung Fury é uma curta-metragem repleta de acção com efeitos especiais que procuram capturar o estilo dos anos 80 e com pequenos elementos que lhe dão um ar inesperado como pequenos efeitos que trazem de volta a magia do VHS e alguns elementos da tecnologia dos anos 80. As batalhas são surpreendentes para um filme amador e é impossível não rir durante os momentos mais engraçados. A partir de referências a filmes dos anos 80, é impossível descrever tudo o que há de bom em 30 minutos de curta-metragem.

Com tanto potencial pelo mundo é cada vez mais difícil para os distribuidores apoiarem filmes como este, tornando a campanha do Kickstarter num grande sucesso e provando que existe um mercado considerável para este tipo de filmes. Mesmo que a dinâmica do filme não seja constante, os grandes momentos são bons o suficiente para manter o espectador interessado numa história que tem um pouco de tudo e que combinada com todos os elementos surpreende do início ao fim, contando com uma música “viciante” de David Hasselhoff, “True Survivor”, (https://www.youtube.com/watch?v=ZTidn2dBYbY). Engraçado, rápido e cheio de ação, Kung Fury é uma comédia sem limites que derruba todas as barreiras do cinema numa história genial.

stars_14

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s